Estresse/Ansiedade X Doenças de Pele

  • Estamos passando por uma fase de medo e incertezas que envolve um intenso estresse psicológico e ansiedade. ⠀⠀⠀
    Esses fatores tem sido relacionados à piora das lesões de pele, principalmente as de caráter inflamatório como psoríase, dermatite atópica, rosácea e acne.

⠀⠀⠀
O estresse estimula a liberação de citocinas pró-inflamatórias e do hormônio liberador de corticotropina, levando ao aumento do nível de cortisol, que pode tanto desencadear crises quanto levar à piora dos quadros das dermatoses inflamatórias crônicas, além de também agirem como gatilho para doenças psicossamáticas e paiquiátricas como onicofagia (ato de roer unhas), tricotilomania (ato de arrancar cabelos), prurido (ato de coçar) e alopecia (queda de cabelos). ⠀⠀⠀
Nessa linha de raciocínio, diversas dermatoses apresentam relação com aspectos psicológicos e a pele parece ser a “válvula de escape” nesses pacientes, que manifestam seu sofrimento através dela. ⠀⠀⠀
Nesse momento, o importante é tentar controlar as emoções, ocupar a cabeça com funções como trabalho, leitura e diferentes atividades para “tirar o foco da pele”. Meditação, Yoga e Terapias comportamentais também podem ser boas estratégias para controlar os alguns hábitos e o estresse. ⠀⠀⠀
Muitos serviços estão disponíveis nas redes sócias para te ajudar. E fique tranquilo, vai passar…
⠀⠀⠀
#PersonaJF #fiqueemcasa #fiquememcasa #coronavirus #vaipassar #dermatosesinflamtorias #psicodermatoses

📱Entre em contato: 98857-1886. #PersonaJF

Leave a Comment